quinta-feira, 29 de março de 2018

Ela ficou

Ela queria morrer, chegou pra Deus e disse:

-Deus, me mata? Quero morrer, não aguento viver neste mundo horrível! Põe um câncer ou me dê um ataque fulminante! Quero morrer, mas não me matar, isso jamais. Quero ir por vias legais!

- Não, não vou levar você - Deus disse-lhe.

Então ela seguiu sua vida com a única coisa que ajuda a sobreviver: fé.

Minicontos Cristãos

Por Julie de Pádua




quinta-feira, 1 de março de 2018

Vá plantar batatas: a morte da tristeza!



Eu sempre fui muito palhaça, a boboca da turma. Quando adolescente, eu fiz muita gente rir da minha cara, das minhas bobagens. Mas aí eu mudei... e tudo estragou.

Eu deixei que o diabo (sim! o diabo), roubasse minha espontaneidade, animação, empolgação, alegria e diversão. No lugar disso ele colocou: medo de ser julgada, medo de ser rejeitada, vergonha de mim, da minha aparência, da minha alegria, do meu jeito, vergonha de ser quem eu sou! Olha só que coisa terrível de se fazer com uma pessoa!

Como eu sei que foi ele quem fez isso? Simples: eu creio na Bíblia e em cada ponto e vírgula (vírgula e ponto e vírgula também) que ela fala. Nesse bendito livro diz que Satanás (diabo, demônio, coisa ruim, chame como quiser), veio para matar, roubar e destruir! (João 10:10). E ele me roubou anos de alegria.

Sabe como ele fez isso? Usando pessoas para me dizer que eu tinha que mudar, que eu tinha que ser séria, que eu tinha que parar de fazer brincadeiras. E comecei a parar, dei ouvidos, achando que eles estavam certos!

Julie! Você tem que crescer! Olha tua idade! Parece uma criança (feliz e alegre que incomodava muita gente)! Mude! Mude! Mude! E cada dia mais os gritos ficavam ainda mais altos: Mude! Cale a boca! Fique quieta! Você está velha para ser assim! Cresça! Mude! Pare! Morra!

Então, eu morri.

Aqui jaz toda a sua alegria, Julie. 
De hoje em diante você será uma adulta.

Depois disso, fui mudando, até que me tornei uma pessoa sem graça, com um forte sentimento de rejeição, fui enterrando sonhos, formas de ser e agir. Fui calando minha voz, guardando meus pensamentos, parando de fazer amigos, de visitar pessoas, de conversar! Eu odiava falar! Eu sempre fui tagarela! Esbanjava alegria e vida por onde quer que eu fosse! Fazia amigos muito facilmente. Mas deixei tudo para trás! Cresci e morri um pouco, também.

Tornei-me uma adulta! E com isso me tornei ansiosa, preocupada, irritada, irritante, reclamona, medrosa, preguiçosa, desanimada, triste, confusa, raivosa, odiosa, envergonhada, desconfiada, mal-humorada, impaciente, crítica, desagradável, estúpida e grosseira!

O tempo foi passando, fui ficando ainda mais velha! Passei a odiar o ser humano! Passei a olhar com olhos tortos para a Igreja e pastores. Me afastei de muita gente, me fechei dentro de mim e me tornei um dos piores tipo de gente que existe: uma cristã falsa! Aquele que Deus vomitará de sua boca!

Ser adulto não é sinônimo de ser chato e sério. Mas me fizeram crer que isso era o certo! E por mais de 10 anos foi nisso que eu acreditei. Foi nas palavras malditas de pessoas usadas pelo diabo para me apagar.

Mas eu dei um basta nisso tudo!

Fechei com Deus, Jesus e o Espírito Santo! Voltamos a nos relacionar, só que agora de um jeito mais hard, mais profundo! E Deus tem, dia a dia, me desafiado a ser quem eu sou: uma mulher alegre, animada, que gosta de pessoas (e animais, esses nunca deixei de amar <3 ), que fala e faz bobagens só para arrancar um riso de alguém.

Deus tem frequentemente me desafiado a expor o melhor de mim: minha alegria, espontaneidade, meus pensamentos e opiniões, meu prazer em bater um bom papinho à toa com os amigos ou com qualquer pessoa na rua.

Tenho vivido uma enorme mudança de vida interior. Ainda Deus tem muito buraco para fechar, muita ferida para curar, muito estrago para consertar. Mas Ele vai! Eu dei um passo na direção Dele, eu tomei uma atitude! Ele sempre esteve ao meu lado, esperando para termos essa DR. E ele esperou pacientemente por mais de 10 anos.

Ao longo dessa espera Ele nunca arredou o pé de perto de mim! Cuidou de muita coisa! Me livrou de muitas outras! Me deu uma formação acadêmica e um esposo. Me deu aquilo que minha fé nele alcançou. Porém, ele tem mais.

Quando falo que Ele tem mais, não falo de bens materiais, de filhos ou carreira de sucesso. Não! Pelo amor de Deus! Isso é muito pequeno perto do que Ele desenhou para mim! Essas coisas são consequências de um relacionalmente puro e "sangue no olho" com Ele!

Eu falo de paz, coragem, ousadia, ânimo, sabedoria, revelação, amor, perdão, paciência, bondade, alegria, benignidade, fé, mansidão, esperança, temperança, unção, plenitude, fluir no Espírito, entendimento e o melhor e mais top de tudo: A SALVAÇÃO ETERNA!

Ah! Cara! Dá um tempo!!! Não tem nada neste mundo melhor do que tudo isso aí. E eu sei que, dentre os poucos que lerão esse texto, a maior parte não vai concordar e nem vai entender o que estou querendo dizer! Mas... eu não ligo! Simplesmente eu não ligo!

Não ligo, porque Deus removeu da minha mente aquela pergunta: o que vão pensar de mim? Uau ! Por anos eu vivi dentro da caixa chamada "medo do julgamento"! Só digo uma coisa para o pensamento das pessoas que irão me julgar pelo que escrevi: vá plantar batatas!

Obrigada Deus! Muito obrigada pelo teu amor! Seguiremos juntos para altos níveis, altos lugares! Obrigada por ter restaurado quem eu sou na essência! Obrigada por ter me devolvido o amor pela sua igreja. Ah Deus ! Obrigada por tudo !

Eu, Julie, não me envergonho de Cristo e nem do meu testemunho.


terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Enfrente a ursa e corra do tolo!

Falaaaaaaa ! Aqui é a Julie e vamos falar sobre o princípio PV17.12

Esse princípio fala o seguinte: "É melhor encontrar uma ursa da qual roubaram os filhotes do que um tolo em sua insensatez."

Mas por quê?

Se você topar com uma ursa nessa condição, a bicha vai estar brava demais o que você faz? Corre! Claro! Então você escapa do perigo! Mas quando a gente topa com uns tolos por aí, falando bobagens: Deus não existe! Deus morreu! A Bíblia é mentira! Os cristãos são não sei o que1 E blá blá blá, blé blé, blé! O que a gente geralmente faz? Conversa com a pessoa! Discute com ela! Quer fazer a pessoa mudar de ideia, e aí a gente se ferra porque a Bíblia fala que não dá para a gente dar conta de gente assim (nem cabo, também!). 

Olha essa: "A repreensão faz marca mais profunda no homem de entendimento do que cem açoites no tolo" Provérbios 17.10

E tem outros versos em PV que falam sobre a bobagem que é tentar falar com essa gente!


É isso!

J.

Não seja bundão como Arão!

Êxodo 32 até 33.6 fala sobre a ocasião em que o povo de Israel pediu um deus de ouro e relata sobre tudo o que envolve essa situação.

Em resumo, Moisés subiu ao monte para falar com Deus e enquanto isso o povo ficou no acampamento, junto com Arão (que já tinha sido consagrado sacerdote). O povo ficou meio de cara com a demora do papo dos dois lá no monte e resolveu pedir a Arão que fizesse um deus de ouro. E Arão fez! ARÃO FEZ! Aiii

Durante a conversa, Deus disse para Moisés que descesse ao acampamento porque o povo havia se corrompido e então Deus disse que iria acabar com a raça deles!

Neste exato ponto quero analisar a atitude dos irmãos. Moisés suplicou a Deus que não fizesse mal ao povo, e Deus voltou atrás em sua vontade de arrasar com a vida de todo mudo. Aqui eu pensei: Moisés teve o poder de fazer Deus mudar de ideia? Como assim? Então percebi que Deus provou o coração de Moisés. Quem realmente Moisés era foi posto a prova. Ele poderia muito bem ter falado: isso mesmo Deus! Acaba com esse povo! Faça de mim, só de mim, uma grande nação! Pois foi o que Deus havia dito em Êxodo 32.10. Moisés foi misericordioso com o povo, provou que não era egoísta.

Já Arão provou ser um covardão, mané e medroso! Ele cometeu grave erro ao fazer o tal do bezerro. Ele poderia ter falado: "Alto lá gente! Vamos aguardar Moisés o tempo que for, ele nos trará a vontade de Deus e é somente a Ele que iremos adorar!" Mas não! O covardão atendeu ao pedido do povo. Eu entendo que talvez ele estivesse sofrendo pressão, mas, mesmo sobre pressão, nós que servimos a Deus não podemos ceder! Muitas pessoas perderam a vida porque foram burras, impacientes, idólatras e porque um homem de Deus não foi firme! 

Nós, que servimos a Deus não podemos ser bundões! 

Outra possibilidade é que Arão também estivesse achando ruim a demora. Uma pessoa que serve a Deus tem que ser paciente pelo agir Dele! Perdeu a fé, a dignidade, a honra e a paciência! Assim não dá!


Abraços!

Julie de Pádua
j.padua.letras@gmail.com
41 997054868
Colombo-PR

Dias #12 ao #30 - DTD/ Compilação

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Pare de ser mané e fale com Deus!

- Hoje, segunda-feira, é um dia maravilhoso! 
-Desculpa, mas não concordo! 
Bom, se você aí não concorda que hoje é um dia maravilho é porque você não está legal. E quando a gente não está legal, tudo fica ruim...É bem redundante o que eu disse, mas é verdade.
Minha dica para você é que pare um pouco de se sentir mal e faça algo por você. Não fique esperando que alguém tome as rédeas de sua vida e faça você feliz!
Eu fiquei muito tempo me sentindo mal por muitas coisas.😭 Mas a vida começou a melhorar quando eu parei e dei atenção ao recado que Deus deixou na Bíblia para mim. Esse recado diz que Ele me ama, que aqui eu iria sofrer muitas injustiças, mas que tudo isso faz parte. 
O recado não para por aí, e ... vou confessar... tem que ser um pouco inteligente para entender o resto do recado. Vou tentar explicar: o recado é que para as coisas mudarem dentro de mim eu preciso deixar Ele fazer obras dentro de mim. Mas tenho que deixar de verdade. Ele me disse que sabe identificar gente falsa com Ele, e se eu fosse falsa, nada Ele poderia fazer por mim.
Então eu parei de ser falsa com Ele e... uau... está ficando muito bom.  Ele já curou algumas coisas aqui dentro do meu coração e todos os dias agora eu falo com Ele e releio o recado que Ele me deixou na Bíblia.
Bom, então, hoje, para mim, é sim um dia maravilhoso. 😜E o que torna este dia maravilhoso é o amor  que Deus derrama sobre mim, pois sem esse amor, amor de verdade, sem falsidade, é o que faz toda a diferença.
Voltando para você que não está legal: pare de ser mané e ore a Deus, mas sem falsidade. Inicie um relacionamento com Deus e você vai ver só o que é bom! Repito: Deus quer um relacionamento com você, e não um casinho rápido. Ele não vai te ajudar se você for falso.
Um abracinho e pare de ser mané. 
Julie
 Se você gostou desse texto e acha que pode ajudar alguém a acordar pra vida, compartilhe com ele. Deixe Deus falar com seus amigos.