quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Música do cascão


quarta-feira, 25 de julho de 2012

FRASES

NENHUM HOMEM É COMPLETO EM SI MESMO: SEUS AMIGOS FORNECEM O QUE FALTA. (H.E.F)


NÃO HÁ NINGUÉM MAIS IRRITANTE QUE ALGUÉM COM MENOS INTELIGÊNCIA E MAIS BOM SENSO QUE NÓS. (D.H)


OS JOVENS ESTÃO EM BUSCA DE NOVAS RESPOSTAS ... PARA PODEREM CONTESTÁ-LAS. W.K


retiradas da revista Seleções de 1973

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Angelina Jolie proíbe filhos de ouvir músicas de Rihanna

Angelina Jolie proíbe filhos de ouvir músicas de Rihanna


Por FAMOSIDADES

RIO DE JANEIRO – Conhecida por seu comportamento liberal, parece que Angelina Jolie não dá a mesma liberdade para seus filhos.

A atriz teria proibido as crianças de ouvir as músicas de Rihanna, por achar o material muito pesado para elas.

Segundo com o site “Entertainment Wise”, a mulher de Brad Pitt tomou a decisão ao ouvir um dos seus filhos, Pax, rindo enquanto cantava as palavras de baixo calão de uma das canções.

Ainda de acordo com a publicação, amigos afirmaram que a estrela de Hollywood quer preservar a infância de seus herdeiros, pois acredita ter crescido rápido demais.


Eu acho que...

Eu acho que isso foi é muito bom !!! nossas crianças precisam entender que para cada idade haverá coisas permitidas e não permitidas !!! Parabéns Angelina !!!


terça-feira, 22 de maio de 2012

CDM - 30/05/12 - O poço sem fim de Deus



O poço sem fim de Deus
“Quem crê em mim, do seu interior fluirão rios de água viva.” João 7:38.
Quando você lê algo assim: “Quem crê em mim, do seu interior fluirão rios de água viva”  o que vem a sua cabeça? Não sabe? Leia de novo: “Quem crê em mim, do seu interior fluirão rios de água viva.” .Você pode fazer perguntas como: Crer em quem? Como assim fluirão rios de água viva? Parece estranho, mas é exatamente isso que acontece quando você crê em Jesus.
Feche seus olhos e imagine um rio... um rio é calmo e sereno, certamente um lugar apropriado para corrermos quando tivermos um dia ruim... e dias ruins são tão comuns, certo? Lembre agora do seu último dia ruim... pode ter sido ontem, semana passada ou até mesmo o dia de hoje. E certamente um lugar que você gostaria de estar agora seria na beira de um rio para poder pensar e descansar. Talvez você pense: “poxa! existem tantos lugares bons para descansar além de um rio...”, talvez você pense que a beira de um rio seja chato... mas a questão aqui não é o lugar e sim o que tem neste lugar.
Quando você lê ““Quem crê em mim, do seu interior fluirão rios de água viva.” Não quer dizer exatamente isso e sim é uma metáfora que te diz o seguinte: se você crer em Jesus dentro de você haverá paz... dias estressantes, ruins, chatos, lugar longe para ir, enfrentar horas sentando na sala de aula, ouvir coisas que você não entende, ser um bom profissional, ser cobrado para ter postura, conduta e bom rendimento... Quantas coisas não é mesmo?
Tudo isso para você pode ser pesado e cansativo, mas quando você coloca esse peso sobre Jesus ele faz fluir água viva dentro de você e então poderá fechar os olhos, respirar fundo e sentir essa tão grande paz que somente um grande Deus pode te dar.
Se você quer sentir essa paz, ore:
Senhor Jesus eu desejo sentir essa paz, pois tenho tido dias tão dificeis, tão ruins e que me esgotam as forças, então eu peço que me dê essa tão grande paz. Amém
Julie F. de Pádua


quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Poesias de Amor de Vinícius de Moraes

Poesias de Amor de Vinícius de Moraes: "Ternura


Eu te peço perdão por te amar de repente
Embora o meu amor
seja uma velha canção nos teus ouvidos
Das horas que passei à sombra dos teus gestos
Bebendo em tua boca o perfume dos sorrisos
Das noites que vivi acalentando
Pela graça indizível
dos teus passos eternamente fugindo
Trago a doçura
dos que aceitam melancolicamente.
E posso te dizer
que o grande afeto que te deixo
Não traz o exaspero das lágrimas
nem a fascinação das promessas
Nem as misteriosas palavras
dos véus da alma...
É um sossego, uma unção,
um transbordamento de carícias
E só te pede que te repouses quieta,
muito quieta
E deixes que as mãos cálidas da noite
encontrem sem fatalidade
o olhar estático da aurora.
Vinícius de Moraes"


'via Blog this'

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

CDM - 24.02.12 - Crianças, nós e a salvação


As crianças que morrem na infância na China e no Japão são tão verdadeiramente salvas como as que morrem na Inglaterra ou Escócia. Bebês de mães morenas, ou nascidos numa aldeia africana ou na barraca cônica do índio americano, todos são igualmente salvos, e, portanto, não são salvos por qualquer rito exterior, nem pelo poder místico de um sacerdócio. São elevados ao reino do céu pela graça soberana e livre de Deus. Como são salvos, então? Por obras? Não, pois nunca fizeram nenhuma. Pela sua inocência natural? Não; pois se essa inocência pudesse lhes ter admitido no céu, também teria bastado para salvá-las de dor e morte. Se não há pecado sobre elas, como é que puderam sofrer? O pecado imputado que as faz morrer impede-nos de crer que elas reivindicaram o céu por direito de inocência. Elas morreram por causa da queda de Adão. Triste conseqüência por terem nascido de pais decaídos. Note seus olhares de apelo quando os pequeninos olham para cima em seu sofrimento como se quisessem perguntar por que precisam suportar tanta dor. A angústia do pequenino moribundo é uma prova da queda de Adão, e de sua participação no resultado dela. Os pobrezinhos vivem novamente, no entanto, porque Jesus morreu e reviveu, e eles estão nele. Perecem, quanto a essa vida, por um pecado que não cometeram; mas também vivem eternamente por uma justiça da qual não participaram, a própria justiça de Jesus Cristo, que os redimiu. Pouco sabemos sobre isso, mas supomos que passaram por uma regeneração antes de entrarem no céu, pois o que nasce da carne é carne, e para entrar no mundo espiritual eles precisam ser nascidos do Espírito. Mas o que quer que tenha se operado neles, é claro que eles não entram no reino pela força do intelecto, da vontade ou do mérito, e sim por resultado da livre graça, não tendo referência a nada que tenham feito ou sentido. Da mesma maneira, você precisa passar para o reino inteiramente pela livre graça, e não por qualquer poder ou mérito próprio. Você entrará no céu tão plenamente pela graça como se nunca tivesse vivido uma vida piedosa, nem praticado uma só virtude.

Trecho de "Pescadores de Crianças" - C. Spurgeon

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

CDM - 23.02.12

23 de Fevereiro
Filipe achou Natanael, e disse-lhe: Havemos
achado aquele de quem Moisés escreveu
na lei, e os profetas... Vem, e vê.
João 1.45.46

A primeira coisa, depois de "o acharmos", é convi­dar alguém: "Vem, e vê".
Francês Ridley Havergal

____ então???? tarefa difícil?? pra mim sim, porém fica a dica para meditação....
Julie


quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

CDM - 22 Fev - 2012

Depois de serdes iluminados, suportastes grande combate de aflições.
Hebreus 10.32
Nossa ousadia por Deus diante do mundo sem­pre deve ser o resultado de um contato individual secreto com o mesmo Deus. Nossas vitórias sobre o eu, o pecado e o mundo sempre são ganhas primei­ro em lugares em que olho algum vê, exceto os de Deus... Se não tivermos nenhum conflito secreto, é bem possível que não venhamos a ter qualquer con­flito aberto. A falta externa de conflitos trazem o sono interno da alma.
F. Whitfield

(pensamentos para horas tranquilas - Moody)

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Sol

O sol, mesmo sendo tão importante, todos os dias se põe para que a noite possa também brilhar. A noite brilha sim, mas porque tráz a lua junto dela. O sol é importante porque tem o dia. A noite é importante porque tem a lua. Mas nem o dia, nem a noite, nem o sol nem a lua seriam alguma coisa se não trabalhassem juntas. Cada uma sabe seu lugar e seu momento. E nenhuma invade o espaço do outro muito menos a obriga a fazer algo. Pensando nessas coisas, faço uma comparação com o amor. Sol, dia. Lua, noite. Eu e você. Claro que eu existo sem você e você sem mim. Mas a questão aqui é o coração, aquilo que chamamos de sentimento. Jamais podemos obrigar alguém a nos amar, nos aceitar, correr para nossos braços e andar junto e isso não farei com você. O sol se põe para então no outro dia nascer de novo e cumprir com majestade seu papel. Nós não vemos, mas o sol está lá, apenas pára de brilhar no nosso lado da Terra. Assim deve também ser o amor. Deve se pôr por um tempo, deixar de brilhar para então nascer de novo com todo seu esplendor. Mas quando essa reclusão permanece por tempos, dias, semanas? Pode ser que nunca mais volte, significa que morreu? Não há como saber, e nisso contamos com o tempo, só ele tem a resposta. Hoje eu sou um dia sem sol, uma noite sem lua. Uma vida sem brilho, um coração dolorido, apertado. Meus olhos não conseguem mais te enxergar, minha mente não consegue mais lembrar do seu semblante. Minhas dúvidas estão sendo esclarecidas. E acredito que a maior resposta é: você não soube me amar. Espero que não seja: você não quis me amar. Pois me querer eu sei que você quis, seu beijo, seu olhar, sua presença aquele dia te entregou. O caso é que você não soube o que fazer com os desejos de uma mulher. Você é apenas um garoto. E eu, simplesmente uma mulher. Lembra no começo que falei sobre o dia, o sol, a noite e a lua trabalherem juntas? então... sem eu e você, jamais poderei chamar de amor aquilo que sinto. Pois o amor é feito de duas pessoas, quando apenas uma pensa que ama, na verdade não passa de ilusão.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Frases

Os maiores poetas sofriam do coração... e não é de enfarto que estou falando.

===========================
O difícil atrai, o impossível desanima.






Arte de Amar Manuel Bandeira


Se queres sentir a felicidade de amar, esquece a tua alma.
A alma é que estraga o amor.
Só em Deus ela pode encontrar satisfação.
Não noutra alma.
Só em Deus — ou fora do mundo.
As almas são incomunicáveis.

Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.

Porque os corpos se entendem, mas as almas não

Coisas de hoje... madrugada... enfim----Janeiro. 11.

passado é passado. sempre.ponto. mas quando olho para o meu...sério, não sei o que pensar. não sei quem é aquela menina. não sei quem é aquela pessoa. não me reconheço em lembranças. fotografias. não sei dizer se o que vivi foi real. mentira. bom.ruim. quanta coisa tinha em minha mente. esquecido. quanta coisa tinha em meus sonhos. roubados. quantos valores havia em minha pessoa. perdido. quantas pessoas haviam em minha vida. apagadas. quanta coisa vivi... sem saber perceber uma única razão, uma única esperança. simplesmente meu passado eu exclui. estou tentando escrever algo novo. está difícil. mas eu vou conseguir. não estou viva á toa.





Meu coração está apertadinho... com uma dor lá no fundinho.... é ruim conviver com dúvidas, incertezas, frustrações, mudanças... é pior ter tanta coisa pra falar e não poder abrir a boca porque sabe que será mal interpretada como exagerada. O sentimento que habita em mim é cruel, egoísta, desumano, avassalador. Viver na solidão ainda é a forma mais barata e sensata de evitar a dor