quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

A idade de Cristo, e daí?

Como todos os anos eu faço, venho aqui neste humilde blog para escrever algo no dia do meu aniversário. 

Uau! Trinta e três anos! Idade em que Jesus Cristo, meu mestre, modelo de vida, herói e ídolo doou sua vida para salvar a humanidade ! E daí? E daí que isso para mim é o meu maior presente, não consigo imaginar o que seria deste mundo e se seria, caso ele não tivesse feito o que fez. Jesus, obrigada mano, sério mesmo, obrigada !!!! 

Bem, estou passando uma fase um tanto quanto complicada financeiramente, mas pela primeira vez na minha vida, inédito, eu não estou nervosa, com medo, preocupada, angustiada, raivosa, rancorosa, deprimida por estar sem dinheiro!! Uau! Estou finalmente aprendendo algo, certo? 

Deus falou comigo: filha, está mais do que na hora de você passar neste teste! Por favor !! Acorda! Aprenda a confiar em mim e no meu amor! Puxa vida guria ! Toda a vez é a mesma coisa !! Owww!!! Vamos! E é isso que estou aprendendo: confiar e descansar nas mão de Deus! Estou muito feliz neste meu aniversário, recebi o carinho de algumas pessoas que ligaram, enviaram mensagens e tal. 

Estou feliz porque tenho planos, otimismo e muita fé em Deus, Ele vai realizar os desejos do meu coração ! Deus, obrigada do fundo do meu coração pela minha vida, pela minha história, por tudo que já passei de bom e de ruim em minha vida. Posso ver como o Senhor esteve ao meu lado durante toda a minha vida! Senhor,  você me sonda e me conhece, sabe o meu assentar e o meu levantar; de longe entende o meu pensamento. Cerca o meu andar, e o meu deitar; e conhece todos os meus caminhos. Mesmo quando não digo nada o Senhor, tudo conhece. Você está ao meu redor e coloca todos os dias as suas mãos sobre mim. Saber disso é para mim algo fantástico; Aonde quer que eu vá o Senhor está comigo! Uau! Que coisa maravilhosa! Eu te louvo, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feita;


Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui feita, e entretecida nas profundezas da terra. Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe; e no teu livro todas estas coisas foram escritas; as quais em continuação foram formadas, quando nem ainda uma delas havia. E quão preciosos me são, ó Deus, os teus pensamentos! Quão grandes são as somas deles! Se as contasse, seriam em maior número do que a areia; quando acordo ainda estou contigo. Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos. E vê se há em mim algum caminho mau, e guia-me pelo caminho eterno. 

É isso aí Deus! Estou completamente em suas mãos!!! Te amo! Obrigada !

Julie Francisco de Pádua Romão
28/01/2016